dcsimg

Enem 2017 ? quais as notas de corte para cada curso?


Falta pouco para as provas do Enem 2017! Com o relógio correndo apressado, como está seu ritmo de estudos? Está caprichando?

 

Essa pergunta é importante, afinal uma boa nota no Enem pode ser o passaporte para a universidade em 2018!

 

E quem está levando os estudos a sério já deve ter ouvido falar nas notas de corte – que dão a maior dor de cabeça na hora de disputar uma vaga em universidade pública, concorrer a uma bolsa de estudos ou mesmo tentar financiar o curso a juros baixos!

 

Pois bem. As notas de corte estarão presentes, firmes e fortes, também nos processos seletivos do ano que vem.

 

Para garantir uma vaga, sua meta deve ser superar as médias que vêm sendo registradas até agora! Para isso, nós vamos dar uma ajudinha: conheça as notas de corte para alguns dos cursos mais procurados do Brasil e descubra que pontuação você precisa obter no Enem 2017 para entrar na faculdade!

 

 

Onde você vai encontrar a nota de corte

As notas de corte são calculadas com base no desempenho dos participantes que disputam uma vaga no mesmo curso, mesma faculdade, turno, campus e modalidade de concorrência (cotas ou gerais).

 

Elas variam a cada edição porque, afinal, o desempenho dos candidatos também muda. Só que nos últimos anos a gente tem verificado uma certa constância no desempenho mínimo para passar em diversos processos seletivos que usam a nota do Enem, que são:

  • ProUni: programa que oferece bolsas de estudos parciais e integrais em faculdades particulares de primeira linha.

  • Sisu: processo seletivo que distribui vagas em cursos nas tão desejadas universidades públicas de todo o país.

  • FIES: programa do Governo Federal que facilita a vida de quem precisa financiar um curso superior. Os juros são abaixo do valor do mercado e o prazo para pagamento é longo.

 

Confira agora a variação das notas de corte para passar em cada um deles!

 

Nota de corte para os cursos do Sisu

De todos os processos seletivos que usam a nota do Enem, o Sisu é o que registra as maiores notas de corte.

 

Em geral, o cenário é o seguinte:

Administração: de 550 a 700 pontos

Agronomia: de 600 a 700 pontos

Arquitetura: de 650 a 750 pontos

Biologia: de 600 a 700 pontos

Ciências Contábeis: de 600 a 700 pontos

Direito: de 650 a 800 pontos

Educação Física: de 600 a 700 pontos

Enfermagem: de 600 a 730 pontos

Engenharia Civil: de 700 a 800 pontos

Engenharia de Automação: de 650 a 800 pontos

Engenharia de Computação: de 650 a 800 pontos

Engenharia de Produção : de 650 a 750 pontos

Engenharia Elétrica: de 700 a 800 pontos

Engenharia Mecânica: de 700 a 800 pontos

Engenharia Química : de 650 a 800 pontos

Farmácia: de 600 a 750 pontos

Gastronomia: de 600 a 700 pontos

Gestão de Recursos Humanos: de 600 a 680 pontos

Gestão Financeira: de 550 a 650 pontos

História: de 580 a 680 pontos

Jornalismo: de 650 a 760 pontos

Letras (várias habilitações): de 580 a 680 pontos

Medicina: acima de 800 pontos

Nutrição: de 650 a 760 pontos

Odontologia: de 650 a 800 pontos

Pedagogia: de 600 a 730 pontos

Psicologia: de 600 a 750 pontos

Química: de 550 a 650 pontos

 

Nota de corte para os cursos do ProUni

Conseguir uma bolsa de estudos pelo ProUni também não é nada fácil. Além das notas de corte, que podem ser tão altas quanto no Sisu, o candidato ainda precisa se encaixar nos critérios de escolaridade, renda e desempenho no Enem para participar.

 

Confira algumas médias:

Administração: de 480 a 700 pontos

Agronomia: de 550 a 650 pontos

Arquitetura: de 550 a 720 pontos

Ciências Contábeis: de 460 a 750 pontos

Comunicação Social: de 500 a 680 pontos

Direito: de 450 a 800 pontos

Educação Física: de 460 a 680 pontos

Enfermagem: de 540 a 700 pontos

Engenharia Aeronáutica: de 650 a 750 pontos

Engenharia Civil: de 580 a 750 pontos

Engenharia de Computação: de 550 a 750 pontos

Engenharia de Produção: de 500 a 650 pontos

Engenharia Elétrica: de 600 a 740 pontos

Farmácia: de 550 a 700 pontos

Física: de 450 a 550 pontos

Gestão de Recursos Humanos: de 460 a 680 pontos

Gestão Financeira: de 450 a 550 pontos

História: de 450 a 550 pontos

Jornalismo: de 500 a 720 pontos

Letras (várias habilitações): de 450 a 680 pontos

Medicina: de 700 a 820 pontos

Nutrição: de 550 a 700 pontos

Odontologia: de 600 a 760 pontos

Pedagogia: de 450 a 680 pontos

Psicologia: de 580 a 730 pontos

Química: de 450 a 550 pontos

Radiologia: de 450 a 550 pontos

 

Nota de corte para os cursos do FIES

O FIES tem notas de corte que, no geral, são mais baixas que no ProUni e no Sisu. Ainda assim não é nada fácil conseguir o benefício – especialmente se o curso que você procura for Medicina ou Engenharia.

 

Dê uma olhada nas médias:

Administração: de 450 a 680 pontos

Análise e Desenvolvimento de Sistemas: de 450 a 630 pontos

Arquitetura e Urbanismo: de 600 a 700 pontos

Ciências Biológicas: de 450 a 600 pontos

Ciências Econômicas: de 500 a 650 pontos

Comunicação Social – Jornalismo: de 560 a 700 pontos

Direito: de 500 a 700 pontos

Educação Física: de 450 a 630 pontos

Enfermagem: de 450 a 680 pontos

Engenharia Civil: de 550 a 700 pontos

Farmácia: de 530 a 600 pontos

Gastronomia: de 450 a 650 pontos

Gestão de Recursos Humanos: de 450 a 630 pontos

Gestão Financeira: de 450 a 600 pontos

Jornalismo: de 530 a 570 pontos

Letras: de 450 a 600 pontos

Medicina: de 700 a 800 pontos

Nutrição: de 550 a 700 pontos

Odontologia: de 600 a 700 pontos

Pedagogia: de 450 a 650 pontos

Psicologia: de 600 a 700 pontos

 

Um detalhe importante sobre o FIES: o candidato pode usar a nota de qualquer edição do Enem a partir de 2010. Portanto, não precisa necessariamente ter feito o exame de 2017 para concorrer. É preciso atender aos critérios de desempenho mínimo no Enem e renda familiar para concorrer ao benefício.

 

Onde mais dá para usar a nota do Enem 2017

Se o seu lance é estudar numa faculdade particular, existe ainda a possibilidade de usar a nota do Enem para entrar direto na instituição sem ter que passar pelo perrengue de um vestibular.

 

O ingresso direto é cada vez mais popular entre instituições privadas de todo o país.

 

A seguir, selecionamos algumas faculdades bem avaliadas pelo Ministério da Educação que oferecem essa forma de ingresso e, além disso, também aceitam estudantes do ProUni e do FIES:

 

Veja também:

O que fazer com a nota do Enem 2017?

 

Como está seu ritmo de estudos? Vai dar para encarar as notas de corte do Enem? Conte para a gente nos comentários!


Comentários

Veja mais artigos de Vestibular

<< Outros artigos de profissoes

Comentários

Siga-nos:

Instituições em Destaque

 
 

Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e receba as últimas notícias do Vestibular além de dicas de estudo: